Quatro Rodas

Yamaha monta equipe oficial para disputar o Campeonato Brasileiro de Motovelocidade

MGBikes Yamaha Racing tem cinco pilotos de três nacionalidades que disputarão o campeonato em três categorias

03/05/2014 12:07

Texto: Vinícius Piva

A Yamaha criou um time oficial para disputar o Campeonato Brasileiro de Motovelocidade. Fundada a partir da união das fábricas da Argentina e do Brasil, a equipe “mercosul” MGBikes Yamaha Racing, comandada por Adrian Aparicio, tem pilotos de três países: Argentina, Brasil e Uruguai.

“Estudamos o campeonato brasileiro, que é muito sério e organizado, e nos preparamos durante um ano para ingressar no Moto 1000 GP de maneira competitiva. As motos utilizadas são a R1 e a R6 argentinas e a preparação técnica tem pessoal envolvido dos dois países”, explica Nicolas Asciutto, da Yamaha Argentina.

O argentino Sergio Fasci, vice-campeão da GP 600 em 2013, é o representante na principal categoria do evento, o Moto 1000 GP. O também argentino Nicolas Tortone vai disputar o GP Light e na GP 600 o uruguaio Maximiliano Gerardo tem como companheiros de equipe os brasileiros André Veríssimo e Marcus Trotta.

“Em 2013, meu primeiro ano completo no Brasil, fomos muito bem na GP 600. Agora será uma nova experiência para mim, acredito na R1 e penso que logo estaremos na ponta”, diz Sergio Fasci, piloto argentino da Moto 1000 GP. 

Rossi: “Estou muito feliz com a Yamaha e quero renovar”

Rafael Paschoalin encara o TT pela segunda vez 

Yamaha pretende lançar duas motocicletas elétricas em 2016

APLICATIVO



INSTAGRAM