Advertisement

Suzuki anuncia retorno à MotoGP para 2015

Francês Randy de Puniet testa nova GSV-R1000 e fica em 8º nos treinos livres em Montmeló

17/06/2013 16:39

A Suzuki confirmou nesta segunda-feira que retomará sua equipe oficial na MotoGP a partir da temporada de 2015. A expectativa era que a marca retornasse já no próximo ano, mas a decisão foi adiada para a temporada seguinte. Fora do Mundial desde 2011, a equipe retornará sob o comando do italiano Davide Brivio, ex-Yamaha.

Participe da promoção O Melhor Motociclista do Brasil 2013

Hoje, o francês Randy de Puniet, piloto de testes da equipe, participou dos testes na pista de Montmeló, na Espanha. Ele completou 73 voltas e marcou o 8º melhor tempo com a GSV-R1000, a 0s772 do tempo do 1º colocado, o espanhol Jorge Lorenzo (Yamaha), ficando à frente das Ducati de Andrea Iannone e Michele Pirro (Pramac) e da Yamaha de Bradley Smith (Monster Tech 3).

GP da Catalunha

Lorenzo largou da 3ª posição e deixou para trás Cal Crutchlow (Monster Yamaha Tech 3) e Dani Pedrosa  (Repsol Honda) para vencer de ponta a ponta o GP da Catalunha, disputado no domingo. Pedrosa segurou o companheiro de equipe Marc Márquez e fechou em 2º, com Márquez completando o pódio, enquanto Crutchlow abandonou. Já Valentino Rossi (Yamaha) largou em 7º e ficou na 4ª posição, seguido por Stefan Bradl (LCR Honda), Bradley Smith, Andrea Dovizioso (Ducati) e a CRT de Aleix Espargaró (Power Eletronics Aspar/ART Aprilia).

“Foi um dia perfeito. Foi difícil, psicologicamente falando, porque foi a corrida mais quente do ano. Forcei 100% a corrida inteira porque qualquer erro seria um desastre”, comenta Lorenzo, que tem 116 pontos e está 7 atrás do líder Pedrosa. Márquez é o 3º, com 93, seguido por Crutchlow (71) e Rossi (60).

Na Moto2, a vitória ficou com Pol Espargaró (Tuenti HP4/Kalex), após vencer uma disputa intensa com o companheiro de equipe Esteve Rabat, que completou a corrida 81 milésimos atrás. Espargaró é o vice-líder do campeonato, com 79 pontos – o líder é Scott Redding (Marc VDS/Kalex), 4º ontem, com 114 pontos. Luis Salom (Red Bull KTM Ajo) completou o domínio espanhol na Catalunha ao vencer na Moto3, à frente de Álex Ríns (Estrella Galicia/KTM) e Maverick Viñales (Team Calvo/KTM). Salom tem 127 pontos no campeonato, com 5 de vantagem sobre Viñales. O brasileiro Eric Granado largou em 25º, chegou a ocupar o 18º lugar, mas terminou em 26º.

Classificação

MotoGP – após 5 de 18 etapas

1) Dani Pedrosa (ESP/Repsol Honda), 123 pontos

2) Jorge Lorenzo (ESP/Yamaha Factory), 116

3) Marc Márquez (ESP/Repsol Honda), 93

4) Cal Crutchlow (GBR/Monster Yamaha Tech 3), 71

5) Valentino Rossi (ITA/Yamaha Factory), 60

6) Andrea Dovizioso (ITA/Ducati), 59

7) Nicky Hayden (EUA/Ducati), 45

8) Stefan Bradl (ALE/LCR Honda), 41

9) Álvaro Bautista (ESP/Go & Fun Honda Gresini), 38

10) Aleix Espargaró (ESP/Power Eletronics Aspar/ART Aprilia), 36

Moto2 – após 5 de 17 etapas

1) Scott Redding (GBR/Marc VDS/Kalex), 114 pontos

2) Pol Espargaró (ESP/Tuenti HP4/Kalex), 79

3) Esteve Rabat (ESP/Tuenti HP4/Kalex), 75

4) Mika Kallio (FIN/Marc VDS/Kalex), 65

5) Dominique Aegerter (SUI/Technomag CarXpert/Suter), 61

Moto3 – após 5 de 17 etapas

1) Luis Salom (ESP/Red Bull KTM Ajo), 127 pontos

2) Maverick Viñales (ESP/Team Calvo/KTM), 122

3) Álex Rins (ESP/Estrella Galicia/KTM), 101

4) Jonas Folger (ALE/Mapfre Aspar/Kalex KTM), 63

5) Álex Márquez (ESP/Estrella Galicia/KTM), 48

20) Eric Granado (BRA/Mapfre Aspar/Kalex KTM), 7

Eric Granado quebra jejum brasileiro no Mundial

Concessionária divulga preços das Ducati no Brasil

APLICATIVO



INSTAGRAM