Kawasaki lança Z400, nova retrô W800 e Versys remodelada

Em dois extremos, marca lança versão naked da esportiva Ninja 400 e revive modelo bicilíndrico do passado

06/11/2018 09:43

A apresentação da Kawasaki no EICMA, nesta terça-feira (6), destaca novidades em dois extremos dos modelos naked: a esportiva de estilo contemporâneo Z400, baseada na Ninja 400, e o retorno da retrô W800. Como já era esperado, a Z400 mantém a base mecânica da Ninja inalterada para substituir a Z300. 

A nova naked tem portanto 2 cilindros de 399cc, que na no Brasil rendem 48 cv a 10.000 rpm e 3,9 kgf.m a 8.000 rpm. O câmbio de 6 marchas também continua com embreagem deslizante para evitar o travamento da roda traseira em reduções. Na nova dianteira o farol é de LED e o guidão inteiriço é mais alto que os semi-guidões da Ninja. 

Já a retrô W800 é uma nova geração do modelo bicilíndrico refrigerado a ar que remete às primeiras Kawasaki. No exterior, havia deixado a linha anos atrás por conta das normas de emissões mais restritas. Agora retorna para disputar mercado com as Triumph Bonneville T100 e novas Royal Enfield 650. Foi redesenhada, inclusive no chassi, recebeu iluminação por LEDs, ABS e o motor de 773cc atualizado rende 48 cv. Uma versão Cafe foi adicionada com carenagem frontal e banco estilo monoposto.         

Por fim, a Versys 1000 foi redesenhada seguindo a nova identidade frontal das esportivas da marca. Também recebeu novos recursos como a central inercial (IMU) que monitora a movimentação da moto em seis eixos para ajustar os controles eletrônicos. Na versão topo de linha SE vem com quatro modos de pilotagem, suspensões eletrônicas, quickshifter bidirecional, painel TFT e faróis direcionais instalados na carenagem, como a Ninja H2 SX. 

 

©Copyright Duas Rodas. Para adquirir direitos de reprodução de conteúdo, textos e/ou imagens: marcelo@revistaduasrodas.com.br

APLICATIVO



INSTAGRAM