Quatro Rodas

Dakar 2017: KTM consegue 16ª vitória e três primeiras posições

Apesar da hegemonia entre fabricantes, novos vencedores incluíram britânico e brasileiros

17/01/2017 11:33

O britânico Sam Sunderland completou a edição 2017 do Dakar, que ocorreu de 2 a 14 de janeiro, 32 minutos à frente do 2º colocado e garantiu para a KTM o 16º troféu consecutivo. Em 12 dias de prova o rali mais difícil do mundo somou 9.000 km percorridos por Sunderland em 32 horas. É a primeira vitória de um britânico, após ele ter ficado fora da edição passada ao quebrar uma perna antes do início do rali, o mesmo que ocorreu neste ano durante a prova com o companheiro de equipe australiano Toby Price, vencedor da edição passada.

A 2ª posição ficou com o austríaco Matthias Walkner e a 3ª com o veterano espanhol Gerard Farres, ambos de KTM, sendo que Farres não corria pela equipe oficial de fábrica Red Bull Racing. Em seguida vieram o francês Adrien Van Beveren (Yamaha) e o espanhol Joan Barreda (Honda), ambos pelas equipes de fábrica. Barreda e o companheiro de equipe português Paulo Gonçalves, 6º colocado, teriam disputado a vitória não fosse a penalidade de uma hora aplicada pela direção de prova por reabastecimento fora da zona permitida durante o 4º estágio.     

A dupla brasileira Leandro Torres e Lourival Roldan dominou a categoria UTV com o Polaris RZR 1000 XP, 4h42 à frente da dupla de segundos colocados que pilotava um UTV do mesmo modelo.    

APLICATIVO



INSTAGRAM