Duas Rodas
  • Revista Digital
  • Facebook
  • Instagram
  • Youtube


Tiger Sport entra na Era eletrônica

Crossover da marca é vendida no país em versão atualizada com modos de pilotagem e controle de tração

18/10/2016 às 12h24m

Atualizada há um ano na Europa, a crossover Triumph Tiger Sport agora recebe o pacote de eletrônica embarcada que inclui três modos de pilotagem, atuando sobre a entrega de potência e o controle de tração. O modelo também recebe uma versão revista do motor triplo 1050 que entrega curvas de torque e potência mais lineares, somando quase inalterados 126 cv e 10,8 kgf.m máximos. A nova embreagem assistida deslizante reduz o esforço para acionamento e evita travamento de roda em reduções bruscas. 

Esteticamente a Tiger de perfil rodoviário e rodas de 17 polegadas ganha uma reestilização leve, que adota linhas mais angulosas e menos arredondadas, modificando principalmente a dianteira ao modernizar os faróis e aumentar a proteção aerodinâmica através de defletores e para-brisa maior (fumê, com ajuste manual por alavanca). O nível de acabamento foi incrementado da pintura (prata ou preta fosca) a detalhes como forro de banco, espelhos retrovisores e tampa do tanque de gasolina, além de agora incluir os protetores de mão como item de série e uma ponteira de escapamento revista de ronco mais esportivo.

O preço sugerido de R$ 45.990 sobe para R$ 52.990, ainda competitivo para uma 1.000cc e equivalente ao da Kawasaki Versys. Valor que está mais próximo dos R$ 45.990 da 850cc Yamaha MT-09 na versão crossover que dos mais de R$ 70 mil de Ducati Multistrada e BMW S1000XR. 

VEJA TODAS AS NOTÍCIAS


Classificados

Anunciar